Saúde do coração: hábitos e exames que previnem doenças cardíacas


Segundo um estudo realizado em 2020 pelo Instituto Brasileiro de Pesquisa e Análise de Dados - IBPAD, os brasileiros passaram a cuidar menos do coração durante a pandemia da Covid-19. Esse é um comportamento preocupante, principalmente porque as doenças cardiovasculares são consideradas as principais causadoras de morte no mundo.


Outro agravante dessa conclusão é que os cardíacos estão entre os pacientes que mais sofrem de complicações quando infectados pelo coronavírus. Cuidar desse órgão nunca foi tão importante como atualmente.


Na edição deste blog destacamos alguns hábitos e atitudes que previnem doenças cardíacas nesse órgão tão vital para o ser humano.



Doenças pré-existentes na família


A medicina ainda não conhece todos os fatores envolvidos no surgimento das doenças do coração, mas algumas características que aumentam os risco de desenvolver tais doenças já estão mapeados como: tabagismo, obesidade, má alimentação, sedentarismo, idade e histórico familiar.


O fator genético pode contribuir significativamente para a ocorrência de problemas do coração. Nesse caso, algumas características precisam ser avaliadas para determinar o grau de risco, como grau do parentesco e idade com que eles adoeceram.


Mesmo as pessoas que não possuem histórico familiar podem nascer com traços genéticos que levam ao problema, por isso é muito importante consultar com um médico cardiologista. Já aqueles que têm histórico na família, devem procurar o especialista o quanto antes, quanto mais cedo melhor. Quando medidas preventivas são tomadas ainda na infância, por exemplo, maiores são as chances de terem uma vida saudável quando adultos.



Exames importantes que ajudam a prevenir doenças cardíacas


O caminho para um coração saudável passa por uma avaliação médica regular e exames de rotina. Algumas vezes, as doenças cardiovasculares podem ser silenciosas ou até mesmo confundidas com outras doenças, por isso a realização de exames é fundamental para identificar riscos, investigar enfermidades e determinar o tratamento adequado.


Entre os principais exames estão:


Eletrocardiograma;

Holter;

Angiotomografia coronária;

Ecocardiograma com Doppler;

Mapa;

Teste ergométrico;

Exames de sangue;


Entre os principais exames estão o perfil lipídico, que determina as dosagens de colesterol total, HDL, LDL e triglicerídeos, glicemia, que mede a quantidade de glicose no sangue, creatinina, que avalia a saúde dos rins, ácido úrico e enzimas hepáticas.

Todos esses exames são realizados nos laboratórios Labsca.



Hábitos saudáveis “amigo” do coração


Grande parte das doenças cardiovasculares pode ser prevenida e evitada com a prática de alguns hábitos saudáveis. Esses hábitos influenciam a saúde emocional e principalmente física. Destacamos algumas práticas “amigas” do coração para você colocar em prática já!


Exercícios físicos regulares;

Alimentação saudável e balanceada;

Se necessário, busque diminuir o peso (recomendado para pessoas com obesidade ou sobrepeso);

Pare de fumar;

Evite consumo excessivo de álcool;

Evite estresse e tensão;

Consulte um médico com regularidade;


O coração merece bastante atenção para que possa se manter saudável, por isso, esteja atento também aos seus hábitos diários, está tudo interligado. Avalie suas escolhas e busque alternativas que melhorem sua qualidade de vida. Não se preocupe em fazer várias mudanças de uma só vez, são pequenos passos que nos levam até onde queremos chegar, o importante é caminhar.